04/05/2014

Aprazíveis diálogos I

Inicia-se hoje uma nova rubrica: aprazíveis diálogos. Partindo do Norte, o João, do Grifo Planante, enviou a belíssima fotografia acompanhada com o texto da sua lavra.
Obrigada, João!
À(s) mãe(s) um dia feliz repleto de rosas!*

João Menéres, Noite de S. João


Tranquilamente a grande noite de S. João cai sobre a Cidade.
Nas margens o burburinho  da multidão entusiasmada já se fazia sentir.
O tabuleiro superior da Ponte Luiz I enchia-se de gente, indiferente à passagem do Metro.
Eu, num rabelo transformado em barco de turismo, também indiferente ao jantar que se estava já a servir, só queria viver de forma diferente essa noite tão distinta de outra noite qualquer.
Olhava extasiado para as margens que me abraçavam.
Do lado do Porto, tinha o recorte denteado da muralha fernandina, a cúpula do Paço Episcopal...
Ao fundo, já adivinhava a clarabóia do Palácio da Bolsa e a Igreja de S. Francisco.
As gaivotas, ignorando que era a grande noite, a noite que só teria fim de madrugada quando os rapazes e as moçoilas mergulhassem nas águas da Atlântico, lá para a Foz do Douro, as gaivotas, dizia, recolhiam aos seus habituais poisos nocturnos.
A noite estava cálida : tinha dispensado o habitual orvalho.

Os ranchos cantavam

Por ti meus olhos andaram
Durante a noite perdidos,
De manhã fui dar com eles
Dentro dos teus...escondidos

S. João fica contente
Ao escutar as cantigas...
Que são a alma da gente
Na boca das raparigas...

João Menéres
(Texto e fotografia)
Exultate, jubilate* Mãe: exultação


Stabat Mater dolorosa* Mãe: dor

12 comentários:

  1. Uma belíssima foto com um excelente texto a acompanhar, não esquecendo os vídeos muito bem selecionados.
    Abraço, Ana : )

    ResponderEliminar
  2. Boa noite, Catarina.
    Muito obrigada. O mérito é do João Menéres do blog "Grifo Planante", um homem cheio de sensibilidade e um óptimo fotógrafo.
    Um abraço!:))

    ResponderEliminar
  3. Ana e João,
    Que lindo ! É só o que posso dizer neste Dia...
    Obrigada !
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. Uma boa escolha, Ana! Bom dia para ti, que és mãe todos os dias!

    ResponderEliminar
  5. Uma rubrica interessante!
    Começas bem. Uma foto muito bonita e gostei do texto!

    Um beijinho para ti e outro para o João Menéres!

    ResponderEliminar
  6. ana,
    Felicito-a pelo surgimento da nova rubrica.
    Quanto ä fotografia e texto do nosso amigo João Menéres? Quando se alia bom gosto, sensibilidade, dominio da técnica fotográfica, e esse saber apreciar a beleza que é a vida, o resultado só podia ser este.
    Parabéns aos dois, obrigada aos dois.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  7. Gostei muito do texto e da fotografia.
    E da iniciativa.
    Beijinhos e votos de boa semana

    ResponderEliminar
  8. Um belo presente às mães e sendo da cidade Porto, uma excelente escolha, contada na primeira pessoa. A partilha de sentimentos e vivências na noite de S. João.
    Belíssimo post, João Menéres.

    Ana, parabéns pela iniciativa.

    Beijinhos aos dois.:))


    ResponderEliminar
  9. No espelho das águas

    tudo é mais claro

    ResponderEliminar
  10. A todos,
    Muito obrigada. O texto e a fotografia do João são um exercício excelente; um elogio ao Porto e ao S. João.

    Ao João,
    O meu agradecimento especial.:))

    Boa noite!

    ResponderEliminar
  11. ANA

    Foi com um enorme prazer que tentei corresponder ao teu pedido da melhor forma que sabia naquele dia.
    Por acaso, acho que não me saí mal de todo...
    Foi escrito ao correr da pena. Bastou recuar menos de um ano e tudo descrever.
    A imagem também meajudou na tarefa de fazedor de frases.

    Um beijo grande, amigo e grato.

    ResponderEliminar

Arquivo