27/08/2016

Trilhos


Praia das Maçãs 
26-08-16

Trilhos

pedras soltas no caminho
surgem como pedaços soltos do espaço,
que embatem na atmosfera e caem

em trilhos desorganizados
cruzados,
um regresso à Terra-Mãe

ao mar,
ao som do vaivém das ondas,
ao útero
começo da vida.

Degeneração
regeneração
criança
velho.

Roda da vida
em forma de coroa de malmequeres
fenecida no canto da estrada
por apanhar: lágrima.

ana, 27-08-16

19 comentários:

  1. Que beleza são os teus TRILHOS, Ana !

    ( Estou com Microsoft Out Look cheiiinho de problemas ! Nem recebo, nem posso enviar emails ! Certamente tal situação só poderá ser resolvida depois do dia 7, já no Porto. )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tão belos são estes teus TRILHOS, que os voltei a reler, Ana.
      Espero que em Setembro e em Outubro ainda não tenhas o tempo muito ocupado, pois vou necessitar da tua preciosa e indispensável ajuda !

      Um beijo amigo.

      Eliminar
    2. João,
      Poderá contar comigo, saberei equilibrar as coisas.
      A nostalgia do final das férias fez-me isolar da internet.
      Desejo que melhore e que resolva o problema. :))
      Beijinhos. :))

      Eliminar
    3. Obrigada, João por gostar dos meus escritos.:)))))
      Beijinho.

      Eliminar
  2. Tudo lindíssimo! Beijinhos e bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Margarida.
      Beijinhos e um óptimo Setembro.:))

      Eliminar
  3. Sempre agradável (mais que agradável) ouvir o grande Pavarotti.
    Bom fim de semana, Ana.
    : )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Catarina.
      Um óptimo Setembro.:))

      Eliminar
  4. É lindo, o poema :)))
    E o sublime Pavarotti!
    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Graça,
      Obrigada.
      Pavarotti é o meu preferido. :))
      Beijinho. :))

      Eliminar
  5. A convidar a um mergulho.
    Bjs, boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro,
      A bandeira estava vermelha mas havia muitos surfistas. :))
      Beijinho.:))

      Eliminar
  6. Belos trilhos, que também gosto de percorrer!

    ResponderEliminar
  7. São os "Trilhos" que vamos percorrendo.
    Linda foto:)
    Um beijinho e uma boa semana - a última de férias:(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isabel,
      O tempo voou..., nunca o agarramos.
      Beijinhos e um óptimo Setembro.:))

      Eliminar
  8. A imagem é perfeita, o poema é belo, a voz inesquecível. Aqui está um belo trilho para visitar e percorrer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Mr Vertigo.:))
      Um óptimo Setembro.:))

      Eliminar
  9. Trilhos, como milhos dourados, são os versos que se renovam interminavelmente. À medida que os percorremos tacteamos e lemos. Estes, em tom suave de depressão ventral,tão belos, umbilicalmente ligados a uma imagem divina.
    BFS
    Obrigado.

    ResponderEliminar

Arquivo