22/07/2010

Flowers!

Depois de ler o comentário de Presépio com Vista para o Canal e de ouvir a maravilhosa canção coloquei aqui. O meu agradecimento.

As flores no budismo são contempladas, maravilhadas, lótus é a flor de excelência. A virtude e as flores para acompanhar o pensamento de hoje.

FLOWERS
(...)
The perfume of sandalwood,
Rosebay or jasmine
Cannot travel against the wind.

But the fragrance of virtue
Travels even against the wind,
As far as the ends of the world

How much finer
Is the fragrance of virtue
Than of sandalwood, rosebay,
Of the blue lotus or jasmine

The fragrance of sandalwood
rosebay
Does not travel far.
But the fragrance of virtue
Rises to the heaven.

(...)

Dhammapada, The saying ofe the Budha, Shambhala, Boston & London, 1993, p. 16-17

Méav, and Hayley sing "The Last Rose of Summer" at the Slane Castle, Ireland.

7 comentários:

  1. suspiro...:-) lembrou-me uma certa musica celta que gosto particularmente...The Last Rose of Summer...esta no blogue...http://presepiocomvistaparaocanal.blogspot.com/search?q=celtic+woman

    ResponderEliminar
  2. Obrigada vou ver e ouvir com prazer. :)

    ResponderEliminar
  3. Margarida,
    É bonito e profundo. :)

    ResponderEliminar
  4. PNC,
    Fui ouvir é lindíssimo o registo de voz, a música. Vou procurá-la e se possível juntar aqui com a sua sugestão.
    Obrigada! :) :)

    ResponderEliminar
  5. O aroma das flores é também uma virtude que lhes cabe. Uma excelente combinação!

    ResponderEliminar

Arquivo