20/10/2014

Volumetrias em imagem e verso

O passado num recanto de clausura


O presente numa volumetria sagaz.


PAUSA                                                                                              CONTEMPLAR

De vez en cuando hay que hacer                                                     
una pausa
contemplarse a sí mismo                                                                    Contemplar 
sin la fruición cotidiana                                                                     os objectos 
examinar el pasado                                                                            quotidianos 
rubro por rubro                                                                                              à procura de paz,
etapa por etapa                                                                                    de ritos e sons cálidos,
baldosa por baldosa                                                                            sem pressas e com ritmo.
y no llorarse las mentiras                                                                    Sem mentiras nem camuflagens
sino cantarse las verdades.                                                                  cantando a verdade das verdades.

Mario Benedetti, in La Tregua.                                                             ana em diálogo com Benedetti.


22 comentários:

  1. Sempre me fascinou como Handel readptou esta ária para duas obras diferentes -- e com carácter dissemelhante:

    http://www.youtube.com/watch?v=VhNRWduBPmY

    Boa noite :)

    ResponderEliminar
  2. Muito bonito sempre. A beleza ajuda a alma...Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria João,
      Ajuda muito mesmo. :))
      Beijinho.

      Eliminar
  3. Muito profícuo, este diálogo!
    Por vezes, faço-o também com alguns poetas, alguns poemas, sempre mentalmente. Nunca me lembrei de registar a "resposta".

    Um beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Lídia. :))
      Achei graça por isso registei.
      Um beijo. :))

      Eliminar
  4. Magnífica postagem, ANA !

    Gostei de TUDO !

    Um beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo incentivo, João.
      Beijinho.:))

      Eliminar
  5. Pego na frase "A beleza ajuda a alma" que a MJ deixou acima, tão verdadeira, e permito-me trocar a ordem das coisas: uma boa alma irradia A BELEZA.
    Duas fotografias significativas que dá gosto olhar, pausa e contemplar dando a oportunidade de ajustar comportamentos e Haendel a fechar; Que mais se pode esperar?
    Obrigado, Ana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agostinho,
      Obrigada pelo ajustamento/trocadilho e pelo comentário.
      Boa tarde!:))

      Eliminar
  6. Pausas fazem bem! Retemperam o corpo e/ou a alma!

    Um beijinho e boa semana:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, por vezes fazem bem, Isabel.
      Beijinho e boa semana, já na recta final. :))

      Eliminar
  7. Aqueles posts que só saem da imaginação da ana.
    Beijinhos e votos de boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Pedro.
      As fotografias são de Pombal, no castelo, e do convento do Louriçal.
      Beijinho.:))

      Eliminar
  8. Uma postura, uma crença, uma filosofia, uma forma de estar... E com envolvência, Ana!

    Beijo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada AC pela sua amabilidade. :))
      Beijinho.

      Eliminar
  9. A todos,
    Muito obrigada. Voltarei para comentar pessoalmente.

    ResponderEliminar
  10. Um post harmonioso, belo e fascinante em todo o seu conteúdo.
    Parabéns pelas magnificas escolhas.
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

Arquivo