14/02/2015

No dia em que se designou de Amor

Um homem de paz faz mais bem que um homem muito erudito.


Thomas Kempis, A Vida Interior.[Livro II da Imitação de Cristo, cap. 1]
(Tradução da versão inglesa, Jorge Pinheiro). 
Carcavelos: Coisas de Ler, 2005, p. 13

Será verdade?



Thomas Kempis foi monge (Agostinho) no mosteiro de Saint Agnetenberg,( Zwolle), de ascendência alemã, ligado ao misticismo. A sua obra mais importante foi A Imitação de Cristo.

A rosa amarela





A minha ária preferida desta ópera

14 comentários:

  1. Ana,
    E que o a paz reine no coração dos homens!

    Bom fim-de-semana.:))
    Beijinhos.:))

    ResponderEliminar
  2. IMITAÇÃO DE CRISTO ?
    Quando fiz a 1ª comunhão, recebi um edição miniatura em papel pergaminho !

    ( Aqui no Porto chove sem parar...)

    Um beijo amigo, Ana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. João,
      Devia ser uma edição maravilhosa.:))
      Por aqui também tem chovido bastante.
      Beijinho.

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Que seque e se transforme em sorriso.
      Boa noite. :))

      Eliminar
  4. Concordo com a frase.

    Bom domingo, Ana e bom Carnaval:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isabel,
      Ainda me faz reflectir.
      Quanto ao Carnaval... tenho imenso trabalho para pôr em dia.
      Beijinho e diverte-te. :))

      Eliminar
  5. Um homem erudito "deveria" ser um homem de paz... A ignorância leva a todos os males, é certo, mas o saber é sempre dirigido ao bem? Boas perguntas... A resposta deve estar na maravilhosa música que nos deixaste, Ana! Bom descanso de uns dias. para isso o Carnaval serve!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria João,
      Também acho mas para Kempis parece-me que não.
      Obrigada. Tenho tanta coisa para verificar que não vou ter Carnaval.
      Beijinho.:))

      Eliminar
  6. Um homem de paz é um homem erudito. Pecará por deficiências em muitos ramos do saber mas disporá de abundância em sapiência, harmonia e amor.
    O importante é a rosa, Ana.
    Boas férias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agostinho,
      Sim a rosa é bela.
      Obrigada.
      Bom Carnaval.:))

      Eliminar
  7. À sua questão, Ana, apetece-me dizer que sim: um homem de paz faz - e atrevo-me a acrescentar - incomparavelmente mais bem que um erudito. Sim, é suposto que o erudito também o faça, mas nem sempre é assim.
    "Una furtiva lágrima", a cereja no topo do bolo.:))
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  8. À sua questão, Ana, apetece-me dizer que sim: um homem de paz faz - e atrevo-me a acrescentar - incomparavelmente mais bem que um erudito. Sim, é suposto que o erudito também o faça, mas nem sempre é assim.
    "Una furtiva lágrima", a cereja no topo do bolo.:))
    Beijinho.

    ResponderEliminar

Arquivo