27/04/2017

Abril de Sim Abril de Não

A arte e as Humanidades, a palavra e a imagem, hão-de sempre prevalecer.

Abril de Sim Abril de Não

Eu vi Abril por fora e Abril por dentro
vi o Abril que foi e Abril de agora
eu vi Abril em festa e Abril lamento
Abril como quem ri como quem chora.

Eu vi chorar Abril e Abril partir
vi o Abril de sim e Abril de não
Abril que já não é Abril por vir
e como tudo o mais contradição.

Vi o Abril que ganha e Abril que perde
Abril que foi Abril e o que não foi
eu vi Abril de ser e de não ser.

Abril de Abril vestido (Abril tão verde)
Abril de Abril despido (Abril que dói)
Abril já feito. E ainda por fazer.


Manuel Alegre
30 Anos de Poesia
Publicações Dom Quixote

16 comentários:

  1. Excelente a poesia do Manuel Alegre !

    Nem ampliando consegui descortinar o nome de quem fez a ilustração...

    Um beijo muito amigo, Ana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. João,
      O cravo ilustração foi da minha autoria e não está assinado. :))
      Beijinhos.

      Eliminar
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    3. Palpitava-me !
      Por isso me servi de uma artimanha inocente.
      Muitos parabéns, Ana.

      ( teclei o y em vez do t. Por isso, apaguei e rectifiquei )

      O meu beijo amigo.

      Eliminar
  2. Essa flor dançarina está demais de bonita. O que eu gosto do espírito poético de Manel Alegre! Mesmo em prosa. Este poema diz bem o que Abril foi e o que não é.

    ResponderEliminar
  3. Abril, poesia e um cravo endiabrado!
    Gostei disto, Ana.
    Bj.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agostinho,
      Endiabrado, diz bem .:))))
      Beijinho.

      Eliminar
  4. Manuel Alegre terá sido provavelmente quem melhor escreveu Abril.
    O antes, o durante e o depois.
    Beijinhos, bfds

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro,
      Concordo consigo.
      Beijinho e boa semana. :))

      Eliminar
  5. Roubem-me tudo menos as boas memórias
    Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As boas memórias de um dia que começou de madrugada e nos trouxe a liberdade.
      Bjs. :))

      Eliminar
  6. Que persistam sempre o Abril e a liberdade!
    beijinho

    ResponderEliminar
  7. Gracinha,
    Que persistam!
    Beijinhos.:))

    ResponderEliminar

Arquivo