17/03/2013

"Estas Águas"

Saudades do mar...

Joaquín Sorolla y Bastida, Detalhe: Passeio na Praia
(Cortesia do Google)
Poema de Vieira Calado, in Algarve ontem,
Obrigada.


13 comentários:

  1. Só no Oriente que eu conheça, o branco é sinal de luto...
    Mas o quadro +e lindo !

    O Vieira Calado, além de ser um grande poeta, é uma simpatia de pessoa, Ana !

    Este poema dele, podia vir a fazer-me jeito...

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  2. Lindíssimo, tudo. adoro Sorolla. Bjs e Bom Domingo!

    ResponderEliminar
  3. A pintura (que já conhecia) é muito bonita. E gostei do poema.

    Que saudades (sempre) do mar!

    Um beijinho

    ResponderEliminar
  4. Mar, sol, férias...

    Que saudades!!!

    Um bom domingo, Ana.

    Beijinhos.:))

    ResponderEliminar
  5. Muito bonito tudo! Sorola tem marinhas lindas. E outras coisas...
    Um beijinh

    ResponderEliminar
  6. O mar sempre

    em todos os apeadeiros
    da vida
    de preferência em movimento
    nas estações

    ResponderEliminar
  7. Gostei muito do quadro e do poema. Neste momento, gostava de estar junto ao nosso mar. As suas águas acalmam-me sempre.

    ResponderEliminar
  8. E eu, ana?
    Sabe as saudades que tenho do mar?
    Não do mar aqui Em Hac Sa ou Cheok Van.
    É das ondas, da espuma, do barulho da rebentação.
    E não devo ir aí visitá-lo este ano :(
    Beijinho e votos de boa semana!

    ResponderEliminar
  9. A todos muito obrigada.
    Beijinhos
    .

    ResponderEliminar
  10. A brisa chegou até mim.
    Adorei este post.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Simples e belo tudo, Ana.
    É sempre uma grande honra vir aqui. Pena não ter podido vir mais vezes.
    Grande abraço.
    Gilson.

    ResponderEliminar
  12. Carlota,
    Que bom vê-la por aqui. Obrigada. :))
    Beijinho.

    Gilson,
    Obrigada pelas palavras sempre gentis.
    Um abraço! :))

    ResponderEliminar

Arquivo